Com uma beleza de tirar o fôlego, o Plitvice Lakes (Plitvička jezera), é um paraíso natural na Croácia. Antes de viajar eu havia lido bastante, visto fotografias e conversado com amigos que estiveram lá e a unanimidade era: Imperdível! Indescritível!

DSC_0134
Uma das primeiras visões do parque (Foto: Viagem em Detalhes)

Claro que fomos conferir, já tínhamos uma expectativa alta o que geralmente não costumo fazer quando viajo, justamente para me deixar surpreender, mas nesse caso não foi possível controlar a expectativa e ainda assim o parque conseguiu me supreender e muito!! Imagens não conseguem transmitir a beleza e a grandiosidade desse lugar, a cor da água e o contato com a natureza que ele proporciona. Mesmo assim tirei inúmeras fotos, tentei selecionar as melhores pra colocar aqui!

O acesso ao parque não é fácil, pois ele não fica muito perto de nada, nós saímos de Split, mas foram quase 3 horas de viagem, contratamos um carro que nos levou até lá e esperou para trazer de volta, é a opção mais confortável, mas não é a mais econômica. A opção mais barata é procurar um tour de ônibus, por volta de EUR$80 por pessoa, já inclui guia e o ingresso do parque ($180 Kunas por pessoa, o que dá EUR$24) mas não tinha a excursão no dia que precisávamos. Outra opção é alugar um carro, as estradas são ótimas, o problema é que fica cansativo fazer bate e volta. Saindo de Zagreb é um pouco mais perto, algo como 2 horas ou ainda você pode se hospedar em um dos 4 Hotéis que ficam no Parque.

DSC_0131Quando chegamos lá já era mais de 11hs da manhã e a fila era enorme!! Não havíamos comprado o ticket antes, na verdade ainda não consegui descobrir se tem como comprar antes, a não ser que você esteja com alguma excursão, acho que não tem como fugir da fila. Eram 2 caixas somente e muito demorado, perdemos quase 1 hora na fila. Minha recomendação é acordar cedo e chegar o quanto antes.

 

DSC_0132
Fila 🙁 (Foto: Viagem em Detalhes)

O parque é enorme são 30 mil hectares, com muitas montanhas, vegetação nativa e 16 lagos de diferentes tamanhos interligados por diversas cachoeiras e cascatas. A água dos lagos é rica em bicarbonato de cálcio, devido à base calcária, por isso a cor da água é impressionante, alguns lugares um azul claríssimo, outros lugares verde, mas sempre transparente! Com o ingresso na mão e mapa comprado, você precisa escolher qual caminho fazer!

São 8 opções de caminhos, na entrada do parque você encontra uma placa com todas as opções, cada caminho é identificado por uma letra e tem a distância e o tempo que leva pra fazer cada um, os caminhos são circulares então você sempre chegará de volta ao ponto onde iniciou. Eu recomendo pegar um caminho que faça os 2 lados (Lower Lakes e Upper Lakes), você vai entender vendo o mapa (abaixo), porque a paisagem é bem diferente e não dá pra escolher o lado mais bonito, por isso prepare as pernas para andar bastante, coloque um tênis bem confortável, leve um lanchinho, água, prepare a câmera e curta muito a paisagem!!

DSC_0128
(Foto: Viagem em Detalhes)

Nossa opção foi o C (4-6horas/8.900m), começando pela parte dos “Lower Lakes”, a parte da direita no mapa. Mas não satisfeitos com 8 opções resolvemos mudar um pouquinho o percurso sugerido. Nessa opção que sai do St2 de cara você pega”ria” um trem elétrico para o St1, e de lá começaria a caminhada. Resolvemos ir andando até lá, foi uma caminhada de quase 1 hora, então no total nosso tour levou por volta de 5h30 horas caminhando num ritmo bom.

Captura-de-Tela-2015-10-15-às-22.56.00

Valeu muito a pena, pois vimos nesse pedaço a cor da água de pertinho, dá muita vontade de mergulhar, mas é proibido.

DSC_0197
Foto: Viagem em Detalhes
DSC_0189
Foto: Viagem em Detalhes
Plitivice-2
Foto: Viagem em Detalhes
DSC_0174
Foto: Viagem em Detalhes
DSC_0175
Foto: Viagem em Detalhes

Passando o ponto em que o trem chegaria, já começou a ficar mais lotado e em algumas partes congestionava bem a passagem, andamos seguindo as placas dos caminhos passando pela “Supljara Cave” e indo em direção à maior cachoeira do parque “Great Waterfall” no “Plitivica Stream”. A maior parte do percurso é feito de decks de madeira suspensos pelos lagos.

DSC_0211
Supljara Cave (foto: Viagem em Detalhes)
DSC_0206
Foto: Viagem em Detalhes
DSC_0213
Plitvica Stream (Foto: Viagem em Detalhes)
DSC_0221
Great Waterfall (Foto: Viagem em Detalhes)
DSC_0232
Placas de sinalização (Foto: Viagem em Detalhes)

Nesse momento tivemos a certeza que havia valido a pena o bate e volta de 3 horas de viagem!!

Após as cachoeiras, você chega no P3, que é a estação de barco, mas também tem restaurante, lanchonete e banheiros. É uma boa opção parar para almoçar são várias mesinhas bem gostosas, mas não espere ótimas opções de almoço, a variedade é bem fraca, muita gente leva a própria comida e faz um piquenique por lá. Comi um sanduíche de queijo, mas era o pão mais seco que já comi na vida.

DSC_0240
Barco indo de P3 para P2 (Foto: Viagem em Detalhes)

De lá pegamos o barco para o P2, de onde começamos a parte dos “Upper Lakes”, são 12 lagos. O lago Kozjak é o último do percurso e fica numa altitude de 534m, então prepare-se para algumas subidas. (a primeira parte é bem mais leve e mais plana).

DSC_0247
Foto: Viagem em Detalhes

 

DSC_0279
Foto: Viagem em Detalhes
Foto: Viagem em Detalhes
Foto: Viagem em Detalhes
DSC_0316
Foto: Viagem em Detalhes
DSC_0300
Foto: Viagem em Detalhes

Após muitas subidas, finalmente chegamos no ponto do trem, o ST3. A fila era longa mas o trem é bem grande então logo embarcamos de volta ao ponto inicial!

DSC_0324
Foto: Viagem em Detalhes
DSC_0121
Trem elétrico (Foto: Viagem em Detalhes)

Depois disso foi cada um desmaiado pra um lado no carro até chegar em Split, mortos de fome!! Isso posso dizer que foi um primeiro dia de viagem intenso, terminei o dia cansada mas feliz da vida e certa de ter tido a oportunidade de conhecer um dos paraísos na terra!

The Plitvice Lakes National Park | HR 53231 Plitvička jezera
Aberto todos os dias na semana, incluindo domingos e feriados das 8hs às 17hs

Naslovnica-v2.0

20 COMENTÁRIOS

  1. Nossa Re, que lugar incrível! Meu sonho conhecer a Croácia, e esse parque que eu nem conhecia, agora na está na minha lista de desejos. Parabéns pelo post e obrigada pelas dicas. Bjs

  2. Confesso que nunca tinha pensado em conhecer a Croácia mas é impossível não se apaixonar por este paraíso… estamos pirando nessas fotos ,nestes lugares… um dia ainda vamos conhecer… Parabéns o post ficou perfeito.

  3. Re, que lugar maravilhoso, a cor da água é impressionante!!! Quanto aos caminhos, cada um passa por um lugar diferente? Seria impossível conhecer todas as belezas desse parque então?!?
    Ameiii o post!!!

    • Impressionante, né! Pegando o caminho mais longo, dá pra percorrer ele quase todo eu acho, tem algumas trilhas mais difíceis!! Mas é lindo demais! E no inverno então que fica inteiro congelado! Eu não vi ao vivo só por foto! É incrível! Beijos!

  4. As fotos desse lugar são incríveis. A cor da água é de se espantar. Realmente tudo muito lindo. O relatto está bem completo e será muito útil quando conseguir conhecer a Croácia. Irei com certeza nesse paraíso.

  5. Foi um dos lugares que mais gostei na Croácia. Acabei dormindo pertinho do parque para chegar cedo e aproveitar o dia. Mas o que a gente gosta mesmo é inventar de fazer trilhas novas.. kkkk.. eu também andei um bocado por lá até chegar no ônibus. Muitas pessoas reclamam do fato de que não é permitido entrar na água, mas essa é uma das formas de preservar o meio ambiente local. Até porque, a água é congelante.. kkkkk

  6. Que lugar mais maravilhoso, Renata!
    Não conhecia o Plitvice Lakes, mas realmente, é um lugar indescritível. Só mesmo com fotos para conseguir ter uma ideia da sua beleza.
    Fui procurar mais fotos e fiquei encantada!!! Quero muito conhecer, amo esse contato intenso com a natureza.
    Beijos!!

  7. Lindissimo esse lugar. Eu gosto sempre de pesquisar e ver tudo sobre o local antes de ir e isso pode ser um problema e aumentar as expectativas rs, mas mesmo que tivesse pesquisado, pelas suas fotos, ainda seria surpreendida.

  8. Tem certeza que esse lugarzinho é na terra? rsrs. Nunca imaginei que a croácia tinha tanta beleza, essa cor de água é surreal, vejo essas fotos e ja me imagino la, muito boa dica adorei

  9. Uau que lugar maravilhoso, realmente um paraíso. Que azul mais lindo dessa água. Eu sempre tive vontade de conhecer a Croácia, e agora tenho certeza que é um destino que tem muito mais para conhecer do que imaginava. Além disso, ouvi dizer que não é um país muito caro para o bolso do turista, comparando-se com outros lugares na Europa. 😉
    Beijos

    • É mesmo viu Josiane! Me surpreendeu muito!! Pode incluir na lista. Exatamente não é tão caro, comparado a outros na Europa. Comemos bem e sem gastar muito. Hotéis já não achei assim baratos…mas acho que tem também opções Airbnb! Beijos!

Deixe uma resposta

Deixe sue comentário
Preencha seu nome